domingo, 16 de junho, 2024

FTX

A+ A-

Cofundador da FTX revela fraude eletrônica de Sam Bankman-Fried em Tribunal

Gary Wang se declarou culpado e concordou em cooperar com investigações

quinta, 05 de outubro, 2023 - 19:53

Redação MyCryptoChannel

No terceiro dia do tribunal de Sam Bankman-Fried, Gary Wang, o confudador da FTX, revelou uma teia de fraude eletrônica envolvendo o criador da enxhange e seus mais próximos aliados. “Permitimos que a Alameda retirasse fundos ilimitados”, disse Wang. 

 

 

Wang alegou que a Alameda Research, fundada por Bankman-Fried e com acesso aos depósitos dos clientes da exchange de criptomoedas FTX, teve uma licença para retirar fundos ilimitados, abrindo caminho para uma série de crimes financeiros.

 

 

O confudador da FTX se declarou culpado nesta quinta-feira. Mesmo sendo amigo de Bankman-Fried, Wang concordou em cooperar com as investigações no caso da FTX. Ele explicou que Alameda tinha uma grande linha de crédito e podia sacar fundos à vontade, mesmo com saldo negativo.

 

 

Segundo Wang, a Alameda havia retirado US$ 8 bilhões da plataforma e desfrutado de uma linha de crédito de US$ 65 bilhões. Wang também falou sobre as disparidades salariais entre ele e Bankman-Fried. Enquanto ele recebia um salário anual de US$ 200 mil e detinha apenas 17% da FTX, Bankman-Fried possuía uma participação impressionante de "cerca de 65%" na empresa. 

 

 

O depoimento de Wang foi interrompido quando o juiz Lewis Kaplan encerrou a sessão, com a promessa de retomar as investigações na sexta-feira (6). 
 

FTX

Sam Bankman-Fried é transferido para nova prisão

Fundador da FTX foi condenado a 25 anos de prisão

quarta, 22 de maio, 2024 - 17:15

Redação MyCryptoChannel

Continue Lendo...

O ex-CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, está sendo transferido para uma nova prisão na Califórnia, segundo o Wall Street Journal. A mudança ocorre após um pedido dos promotores federais para que Bankman-Fried fosse transferido para uma instalação de baixa segurança perto da casa de seus pais em Palo Alto. 

De acordo com um representante de Bankman-Fried, as autoridades federais iniciaram a transferência na manhã desta quarta-feira (22). O destino do fundador da FTX ainda não foi confirmado, mas fontes familiarizadas com o assunto acreditam que ele esteja a caminho da prisão federal de Mendota, na Califórnia. 

Em abril, Bankman-Fried havia expressado o desejo de permanecer no Metropolitan Detention Center (MDC) do Brooklyn, em Nova York. Ele alegou que a proximidade com seus advogados, que trabalham em seu recurso, era crucial para sua defesa. 

Bankman-Fried foi preso no início de 2023 por adulteração de testemunhas. Em março deste ano, o juiz Kaplan do Distrito Sul de Nova York o condenou a 25 anos de prisão. 

FTX

Reembolsos da FTX podem impulsionar o mercado de criptomoedas, segundo K33

O reembolso da Gemini está previsto para o início de junho, enquanto o da Mt. Gox está programado para outubro de 2024

quarta, 15 de maio, 2024 - 17:59

Redação MyCryptoChannel

Continue Lendo...

Um relatório da corretora de criptomoedas K33, publicado na terça-feira (14), diz que os reembolsos da bolsa de criptoativos falida FTX podem ter um efeito positivo no mercado de criptomoedas. 

O relatório argumenta que, embora os reembolsos dos credores da Mt. Gox e da Gemini representem um "saldo negativo" no mercado, o reembolso em dinheiro da FTX pode ser interpretado como um "saldo positivo". 

"Tanto a Mt. Gox quanto a Gemini reembolsarão os credores em espécie, enquanto a FTX vendeu ativos para pagar os credores em dinheiro", explica o relatório. "Na rede, a pressão de compra dos beneficiários do dinheiro pode neutralizar a pressão de venda dos reembolsos em espécie." 

Além disso, o relatório da K33 observa que o momento dos reembolsos pode afetar o mercado de criptomoedas de forma diferente. O reembolso da Gemini, avaliado em US$ 1,7 bilhão, está previsto para o início de junho. Já o reembolso da Mt. Gox, estimado em US$ 8,9 bilhões, tem como prazo final outubro de 2024. 

"Se o tribunal aprovar o plano de reorganização da FTX, a empresa pretende reembolsar os credores dentro de dois meses. A incerteza permanece sobre quando ou se o plano será aprovado, com os beneficiários se preparando para os reembolsos no final do quarto trimestre de 2024", escreve o relatório.  

"Os diferentes prazos desses reembolsos representam mais uma indicação de um verão lento no mercado e de um final de ano sólido."