segunda, 15 de abril, 2024

FTX

A+ A-

Fundo de hedge cripto LedgerPrime ressurge com novo nome e equipe após colapso da FTX

Grupo MNNC é liderado por ex-funcionários da LedgerPrime

quinta, 29 de fevereiro, 2024 - 14:30

Redação MyCryptoChannel

O fundo de hedge criptográfico LedgerPrime, que foi forçado a fechar após a falência da FTX, ressurgiu com um novo nome e equipe, de acordo com a Bloomberg. O novo fundo, chamado Grupo MNNC, é liderado por ex-funcionários da LedgerPrime e já levantou capital de investidores. 

A LedgerPrime foi adquirida pela FTX US em 2021. No entanto, após a falência da FTX, a LedgerPrime foi forçada a encerrar suas operações. Agora, vários ex-funcionários da LedgerPrime se uniram para formar um novo fundo. A equipe inclui Shiliang Tang, que atuou como Diretor de Investimentos da LedgerPrime. 

“O fundo de hedge multiestratégia registrado nas Ilhas Cayman levantou uma quantia não revelada de dinheiro de financiadores, incluindo aqueles que investiram na LedgerPrime, uma subsidiária da Ledger Holdings, que foi adquirida pela FTX US em 2021”, afirmou a Bloomberg. 

O Grupo MNNC é composto por 11 funcionários, a maioria ex-integrantes da LedgerPrime,. A LedgerPrime, em seu auge, administrava até US$ 400 milhões e ostentava um retorno médio anualizado de cerca de 40%, 

 

FTX

Ex-CEO da FTX é condenado a 25 anos de prisão

Sam Bankman-Fried não quis ler as condições da sua condenação

quinta, 28 de março, 2024 - 13:55

Redação MyCryptoChannel

Continue Lendo...

O ex-CEO da falida FTX, Sam Bankman-Fried, foi condenado a 25 anos de prisão nesta quinta-feira (28). Segundo o Inner City Press, o ex-executivo se recusou a ler as condições disponibilizadas pelo Juiz Lewis Kaplan.  

Durante a apresentação da sentença, Kaplan explicou que o Departamento de Liberdade Condicional recomendaria 105 anos, e o Governo 40 a 50 anos. “Não estou diminuindo o dano. A ousadia de suas ações. Sua excepcional flexibilidade com a verdade. Sua aparente falta de qualquer remorso”, disse o juiz.  

Ele ainda relatou que nunca viu uma atuação com a de Bankman-Fried no tribunal. “Quando não estava mentindo, ele era evasivo, raivoso, tentando fazer com que os promotores reformulassem as perguntas para ele. Faço esse trabalho há quase 30 anos. Nunca vi uma atuação como essa”. 

Antes de receber a condenação, Bankman-Fried disse que sua “vida útil provavelmente acabou”. “Não importa porque as coisas vão mal, se você é o CEO, a responsabilidade é sua. Não sou eu quem mais importa no final das contas... Minha vida útil provavelmente acabou. Há muito que dei o que tinha para dar. Não posso fazer isso na prisão”, completou. 

“Não posso impactar se pegar 5 ou 40 anos. Eu sei como os promotores me veem, o tribunal, a mídia. Eu entendo. Você encaminhou meu teste ao conselheiro geral. Eu estava tentando ajudar – não foi assim que os promotores viram, a mídia”, desabafou o ex-executivo. “Se as pessoas fizerem o que puderem pelo mundo, espero poder ver o sucesso delas e não apenas os meus próprios fracassos”.  

Segundo o juiz, Sam Bankman-Fried foi condenado a 240 meses e depois a 60 meses consecutivos, por um total de 300 meses [25 anos].  

FTX

FTX vende participação na Anthropic por US$ 884 milhões

ATIC Third International Investment Company é a principal compradora

segunda, 25 de março, 2024 - 14:33

Ana Beatriz Rodrigues

Continue Lendo...

O espólio da FTX, antiga exchange de criptomoedas, anunciou a venda de grande parte de sua participação na Anthropic, empresa de inteligência artificial, por US$ 884 milhões. A transação, aprovada por um juiz de falências no início deste ano, representa um avanço para a FTX na busca por reembolsar integralmente seus clientes. 

A ATIC Third International Investment Company, empresa de investimento ligada ao governo de Abu Dhabi, será a principal compradora, adquirindo 16 milhões de ações por US$ 500 milhões. Outros participantes da venda incluem a Jane Street, com um investimento de US$ 100 milhões, e fundos administrados pela Fidelity Management & Research Company, que desembolsarão US$ 44 milhões por 1,5 milhão de ações. 

A participação da FTX na Anthropic, originalmente adquirida por US$ 500 milhões em 2021, representava cerca de 8% da empresa. Desde então, a Anthropic experimentou um crescimento significativo, elevando o valor da participação da FTX para mais de US$ 1 bilhão em uma avaliação recente. 

A venda da participação na Anthropic faz parte de um esforço maior da FTX para liquidar seus ativos e resolver suas pendências após o colapso da exchange em novembro de 2022. A empresa já vendeu suas participações em GBTC, um ETF de Bitcoin da Grayscale, por cerca de US$ 1 bilhão em janeiro. 

O espólio da FTX acredita que a venda da participação na Anthropic, junto com outras medidas de liquidação, permitirá que a empresa reembolse integralmente seus clientes. A empresa não tem planos de reiniciar a exchange, após o fracasso das negociações de venda.