segunda, 15 de abril, 2024

Web3

A+ A-

100 anos da Disney: conheça os projetos Web3 desse mundo mágico

Conglomerado encantam pessoas com planos para metaverso e coleções de NFTs

quinta, 28 de dezembro, 2023 - 16:00

Ana Beatriz Rodrigues

Em 2023, a Walt Disney Company completou 100 anos de história. Uma das empresas mais bem-sucedidas do mundo, a Disney é conhecida por seus personagens icônicos, filmes premiados e parques temáticos mágicos que encantam pessoas de todas as idades. Mas, nos últimos anos, a empresa tem se voltado para um novo campo: a Web3.

A Web3 é uma nova fase da internet baseada em tecnologias como blockchain, criptomoedas e NFTs. A partir desses sistemas, os usuários conseguem mais controle sobre seus dados e ainda é possível a criação de experiências mais imersivas e interativas.

Disney no Metaverso

Em 2021, o então CEO da Walt Disney, Bob Chapek, informou que a empresa estava pronta para entrar para o metaverso. Para ele, o metaverso seria a “a próxima grande fronteira narrativa”. Nesse mesmo ano, o conglomerado patenteou uma tecnologia que permite que visitantes de seus parques temáticos interajam com experiências de realidade aumentada (RA) sem a necessidade de usar headsets chamada de "simulador de mundo virtual".

No ano seguinte, em fevereiro, a companhia estruturou uma equipe de operações dedicadas ao desenvolvimento do metaverso para desenvolver novar formas de interação com o público através da nova tecnologia. Porém, em 2023, a Disney encerrou as operações dessa equipe, demitindo os 50 membros da divisão. 

O The Wall Street Journal anunciou que isso fazia parte de um plano de reestruturação da empresa, que pretendia demitir sete mil funcionários e cortar as despesas em US$ 5,5 bilhões. 


NFTs de personagens da Disney

Por outro lado, desde 2021, Disney tem trabalhado com a VeVe para publicar suas coleções  de tokens não fungíveis (NFTs). Para comemorar o Disney+ Day, o conglomerado lançou um conjunto de artes digitais chamada de Golden Moments.

 

 

A coleção apresentava diversos personagens da Disney, como a Elsa de “Frozen”, o Homem de Ferro e o próprio Walt Disney de mãos dados com o Mickey. Todas as obras eram estatuetas em dourado. Em maio de 2022, a Star Wars Dark Side Collection foi lançada com os personagens da série Star Wars em NFTs.

 

Para finalizar 2023, a Disney e a Dapper Lab anunciaram a lista de espera para a nova plataforma Disney Pinnacle. A plataforma irá tokenizar os personagens do conglomerado dos seus 100 anos de história. 

Segundo o CEO da Dapper Labs, Roham Gharegozlou, a plataforma representa “um design de economia atualizado, equilibrado entre a acessibilidade para o fã comum e ativos de edição limitada e super edição limitada para alguns colecionadores mais exclusivos. E é o acesso a todo o universo Disney, sob um mesmo teto”. 

O lançamento da plataforma de NFT está previsto ainda para esse ano e estará disponível para Apple App Store para iOS, na Google Play Store para Android e na web. Será possível encontrar artes digitais dos estúdios da Disney, Pixar e StarWars, porém os super-heróis da Marvel ainda não estarão inclusos no lançamento.


 

Web3

Telefónica e Chainlink se unem para combater ataques de SIM swap e proteger transações Web3

Integração utiliza a API de SIM swap do GSMA Open Gateway e a tecnologia de oráculos da Chainlink

sexta, 16 de fevereiro, 2024 - 10:15

Redação MyCryptoChannel

Continue Lendo...

Telefónica, gigante espanhola de telecomunicações, e a Chainlink, provedora de oráculos Web3, anunciaram uma parceria estratégica para fortalecer a segurança contra ataques de SIM swap, uma técnica de hacking que visa roubar dados e acessar contas online. 

A colaboração permitirá a "conexão segura" de contratos inteligentes com APIs do GSMA Open Gateway, possibilitando a verificação de dados de diferentes fontes através da Chainlink. Essa integração garante que o cartão SIM de um dispositivo não tenha sido alterado sem autorização, protegendo as transações blockchain e adicionando uma camada de segurança contra fraudes. 

A iniciativa marca o "primeiro caso de uso" da API de SIM swap do GSMA Open Gateway, posicionando a Telefónica como líder na implementação de soluções Web3. Yaiza Rubio Viñuela, diretora de metaverso da empresa, destaca que essa parceria permitirá à Telefónica estar na vanguarda da "web do futuro", ao lado dos desenvolvedores que moldam essa nova era da internet. 

Essa não é a primeira iniciativa Web3 da Telefónica no Web3. Em 2022, a empresa integrou pagamentos com Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH) e outras criptomoedas em seu mercado online, e recentemente se uniu à Nova Labs para reduzir custos de infraestrutura e expandir a cobertura no México utilizando a tecnologia blockchain. 

NFTs

Habbo entra na era da Web3 com Colecionáveis Habbo: Armários de Colecionador

Ferramenta permite conversão de itens do jogo em NFTs

segunda, 05 de fevereiro, 2024 - 13:57

Redação MyCryptoChannel

Continue Lendo...

O Habbo, uma comunidade virtual global com mais de 300 milhões de usuários, anunciou os "Colecionáveis Habbo: Armários de Colecionador". Esta nova ferramenta permite a conversão de itens colecionáveis do jogo em NFTs (Tokens Não Fungíveis), marcando uma transição para práticas digitais.  

 

 

Segundo comunicado, com essa iniciativa, o Habbo não está apenas concedendo aos seus jogadores a total propriedade de seus itens, mas também está fornecendo a eles uma maneira confiável e segura de negociar seus itens por dinheiro real. 

 

 

“Esta transição, e todas as mudanças que a acompanham, é uma resposta direta aos desafios enfrentados pela base de jogadores. Este movimento oferece uma solução robusta, transparente e definitiva para a negociação de itens”, disse o comunicado.  

 

 

Essa iniciativa coloca o Habbo na vanguarda da transição para a Web3, abrindo caminho para uma transformação no futuro dos jogos. A adoção desta tecnologia inovadora é um indicador claro do potencial que a Web3 tem para revolucionar não apenas a operação dos jogos, mas também como será percebida e valorizada no futuro.